Munidos de galões e até de garrafas pet, motociclistas e motoristas buscam combustível (Foto: Narayanna Borges / GloboNews)

(Foto: Narayanna Borges / GloboNews)

 

Muita gente tem procurado postos de combustível com garrafas e galões para abastecer o veículo. Porém, nem todos os recipientes podem ser usados para esta finalidade.
Galões de água e garrafas pet, por exemplo, estão fora das especificações, e não são aceitos.

O modelo permitido está em uma norma da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), publicada em 2008. Ela especifica como deve ser o reservatório para armazenar combustíveis.

Segundo o documento, o recipiente deve ser rígido, de material plástico ou metálico, e que seja reutilizável, desde que com combustível.

Frentista enche galão de plástico com combustível, em posto de Ceilândia (Foto: TV Globo/Reprodução)

(Foto: TV Globo/Reprodução)


A entidade também dá instruções para o abastecimento deste tipo de reservatório. Se a capacidade for de até 50 litros, o preenchimento com combustível deve ser feito fora do veículo, apoiado no chão, e com o bico da bomba inserido o máximo possível no galão.

Segundo a ABNT, o recipiente deve ter data de validade ou vida útil, e ser certificado pelo Inmetro. O Inmetro foi procurado, mas informou que não certifica este tipo de reservatório.

A fiscalização nos postos fica por conta da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Nos últimos dias, clientes tentaram abastecer com recipientes fora das especificações em São Paulo, Minas Gerais e Distrito Federal.

 

 

Fonte: https://g1.globo.com/carros

Página 1 de 22

Conecte-se com a gente!

Antes de sair, faça uma visita em nossas redes sociais!

Curta, compartilhe e faça parte da nossa história você também!

facebook azul youtube original

Oficinas Credenciadas

Área Restrita